Maio 10 2008

A minha boca entreabre-se, ávida dos teus sabores...

Serão beijos beijados, mergulhados num tempestuoso desejo. Melhores do que os simples, dados, ou mesmo roubados, porque serão estes beijos, os sonhados, entre lábios no ensejo.
Há beijos que são apenas cheirados, há beijos que são fátuos instantes, mas estes nossos, os beijados, para além de ficarem marcados, também se tornarão gritantes.
Porque são beijos beijados, estes que por de entre os nossos lábios dados, são mais do que beijos de gente, são gritos de alma, lavados, de que mais do que tudo se deseja.
Assim serão os nossos beijos, aqueles beijos que aqui estão marcados, que ficaram gravados, esses teus beijos dados, num murmúrio que não se deita.

beijo-te, docemente
Alexandre

publicado por simplesmentedetalhes às 17:07

mais sobre mim
Maio 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

11
12
13
14
15
16
17

18
20
21
23
24

25
26
27
28


pesquisar
 
blogs SAPO