Setembro 27 2008

Faço cenários, cenas, com o que sinto....
Desmonto....
Descontruo...
A reconstrução por vezes é austera, mas de uma sensibilidade inigualável...
É engraçado como que nas várias etapas e/ou fases da nossa vida,
temosuma diversidade de perspectivas, crendices...
Amamos, desamamos....
Força em meio ao medo....
E ao sentir....
Descobrimos...
Negamos...
Aceitamos....
Queremos mas não buscamos....

Deseje-me a metade do que quero te .....

publicado por simplesmentedetalhes às 11:48

Setembro 27 2008
Realmente a vida é um desalinho de emoções,
embebida de vasilhames descartáveis,
onde por vezes deu branco,
pela subjectividade de uma loucura menos insana,
pleonástica,
no cotidiano em uma visão poética,
em meio a versos e inversos...
Talvez não seja nesta vida ainda,
mas você ainda vai ser a minha vida....
Carolzita/27-09-08PT
publicado por simplesmentedetalhes às 11:46

Setembro 27 2008

Eu sou o brilho dos teus olhos ao me olhar
Sou o teu sorriso ao ganhar um beijo meu
Eu sou teu corpo inteiro a se arrepiar
Quando em meus braços você se acolheu

Eu sou o teu segredo mais oculto
Teu desejo mais profundo, o teu querer
Tua fome de prazer sem disfarçar
Sou a fonte de alegria, sou o teu sonhar

Eu sou a tua sombra, eu sou teu guia
Sou o teu luar em plena luz do dia
Sou tua pele, proteção, sou o teu calor
Eu sou teu cheiro a perfumar o nosso amor

Eu sou tua saudade reprimida
Sou o teu sangrar ao ver minha partida
Sou o teu peito a apelar, gritar de dor
Ao se ver ainda mais distante do meu amor

Refrão:
Sou teu ego, tua alma
Sou teu céu, o teu inferno a tua calma
Eu sou teu tudo, sou teu nada
Minha pequena, és minha amada
Eu sou o teu mundo, sou teu poder
Sou tua vida, sou meu eu em você

 

publicado por simplesmentedetalhes às 11:39

mais sobre mim
Setembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26

28
29
30


pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO